O aroma terapêutico da Canela

cinnamon-stick-500x500Conhecida desde tempos imemoriais, pela maravilhosa capacidade de melhorar o aroma de quase qualquer alimento, a Canela chegou a ser mais valiosa que Ouro, numa altura em que este abundava, e a Caneleira era menos acessível. A Canela tornou-se assim uma referência na nossa culinária, e obrigatória na nossa cozinha.

Oriunda do Sri Lanka, Índia, Indonésia, Ceilão e Birmânia, a caneleira é uma árvore de porte médio e é do seu interior que são extraídos pequenos ramos enrolados, que tanto são usados tanto em pau como em pó. O aroma da canela deriva do cinnamaldeído, um óleo essencial encontrado na casca de canela. Conhecido em sânscrito como twak, em Hindi como dalchini, e em Gujarati como taj, a canela tem uma longa história de uso em remédios caseiros ayurvédicos. Os egípcios usavam-na para perfumar durante o processo de embalsamamento, e foi até mesmo mencionada no Antigo Testamento como um ingrediente no óleo da santa unção. Os árabes trouxeram-na para a Europa, onde ficou igualmente popular, transportaram-na através das rotas terrestres. A canela era particularmente desejada uma vez que pode ser utilizada como um conservante para a carne durante o inverno. Apesar do seu uso generalizado, as origens da canela foram bem guardadas em segredo pelos mercadores árabes, até ao início do século XVI.

 

Hoje em dia, geralmente encontram-se dois tipos de canela: canela de origem Cassia canela é produzida principalmente na Indonésia e tem o cheiro forte e sabor das duas variedades. Esta variedade mais barata é o que se costuma comprar em supermercados para uso culinário, e contém grandes doses de cumarina composta que alguns efeitos colaterais indesejáveis, tais como aumento da frequência cardíaca e problemas no fígado e nos rins. A canela do Ceilão mais cara, é produzida sobretudo no Sri Lanka, é a que transmite verdadeiros benefícios para a saúde, tem um sabor mais suave, mais doce e é usada para assar e aromatizar bebidas quentes, como café ou chocolate quente.

Muito para além do delicioso aroma que ela proporciona às iguarias nas quais a adicionamos, a Canela possui – como todas as ervas e especiarias – uma ação terapêutica, sendo usada regularmente nos tratamentos e na alimentação ayurvédica, por essa mesma razão.

Caneleira – Cinnamonum Zeylanicum Nees

Canela – Cinnamomum aromaticum

Em termos ayurvédicos, canela pacifica o Vata e o Kapha, mas pode agravar o dosha de Pitta se tomada em excesso. Tem um rasa doce, pungente e amargo, um virya quente, e tem um vipak picante. É oleosa. Utiliza-se a casca. Pela destilação prolongada de suas folhas obtém-se um óleo avermelhado que funciona como um tónico excelente, quando aplicado com massagens suaves.

Cria o calor interno e tem uma acção de limpeza natural, que é por isso que é um remédio caseiro muito utilizado para gripes e constipações, e auxilia na absorção de outros medicamentos. É uma planta com efeito excitante, diaforética, anti-espasmódica, digestiva, antioxidante e aromática; ajuda a prevenir osteoporose, a controlar a pressão sanguínea e a aliviar sintomas da menopausa. Promotora de saúde para tratar resfriados, diabetes, indigestão e colesterol alto.

Indicada no tratamento do escorbuto, de escrófulas (tuberculose ganglionar linfática), digestão difícil e outras afecções do estômago, na leucorreia e febres adinâmicas. Estimula o trabalho do coração e eleva a pressão sanguínea. É usada externamente em fricções para eliminar certos germes que atacam o couro cabeludo. Eficaz para fortalecer e harmonizar o fluxo sanguíneo. Indicada na inapetência, náuseas e vómitos. É diurética e estimulante do sistema nervoso.

Na alimentação:

Para reduzir as propriedades fomentadoras de Kapha em alimentos como o arroz, aveia e outros carboidratos, adicione canela.

Pode ser usada como pacificadora dos efeitos colaterais do café, chá, chocolate.

Aqui estão alguns remédios caseiros ayurvédicos comuns para canela:

Colesterol LDL: tome ½ colher de chá de canela diariamente para prevenir.

Diarreia e Desinteria: toma-se três vezes ao dia, 1 gr de pó de canela com gengibre seco, cravinho e noz-moscada, em partes iguais, misturados em água quente. Ou combine ½ colher de chá de canela em pó, uma pitada de noz-moscada, ½ chavena de iogurte e consuma esta combinação duas a três vezes por dia.

Dor de cabeça sinusal (sinusite): faça uma pasta de ½ colher de chá de canela e água e aplique topicamente.

Flatulência, Falta de apetite e má digestão: misturar gengibre seco, casca de canela e cardamomo em pó e triturar. Ingerir 1 a 2 g antes das refeições.

Gripes, constipações, dores menstruais e TPM: fazer a decocção de 3 partes de gengibre, 3 partes de canela e 1 parte de cravo, todos em pó. Colocar em água e ferver em torno de 5 a 10 minutos. Tomar 1 chávena de 4/4 horas. Ou combine ½ colher de chá de canela e 1 colher de chá de mel cru e não cozido e tome duas ou três vezes por dia.

Pasta dentífrica: 1 gr de pó de canela com gengibre seco, cravinho e noz-moscada, em partes iguais, adicionando-se também cânfora, e outras plantas e barro para unir.

Tosse, resfriado e dor de garganta: ferver paus de canela em água e inalar o vapor.

Pesquisas:

Um excelente benefício da canela é a sua eficácia na regulação do açúcar no sangue. Um dos estudos iniciais foi publicado na revista Diabetes Care, em 2003. Sessenta pessoas com diabetes tipo 2 consumiram diariamente 1, 3 ou 6 gramas de canela por dia (equivalente a ¼ – 1 colher de chá). Após quarenta dias, as três quantidades de canela reduziram os níveis de glicemia em jejum dos indivíduos entre 18 a 29%, o colesterol LDL (o mau colesterol) em 7 a 27%, o colesterol total em 12-26% e os seus triglicerídeos em 23 – 30%.

O Journal of Diabetic Medicine publicou uma pesquisa em que os indivíduos que tomaram suplementos de canela apresentaram uma melhoria significativa nos seus níveis de glicose no sangue, em comparação com aqueles que tomaram medicamentos regulares para diabetes.

A Universidade de Copenhague realizou um estudo com pacientes com artrite e administrou ½ colher de chá de canela em pó com 1 colher de sopa de mel crua todas as manhãs antes do pequeno-almoço. Esses pacientes experimentaram uma redução notável na dor após uma semana e foram capazes de caminhar sem dor num mês.

Investigadores da Universidade Estadual do Kansas descobriram que a canela combate a bactéria E. coli em sumos não pasteurizados. Estudos descobriram que possui propriedades antibacterianas e antifúngicas. É ativa contra Candida albicans, o fungo responsável pelas infeções por levedura e Helicobacter pylori, a bactéria que causa úlceras no estômago. O Departamento de Agricultura dos EUA em Maryland publicou um estudo que mostra como a canela reduziu a proliferação de células de cancro de leucemia e linfoma.

O uso espiritual da Canela

Dependendo da sua conexão espiritual, a canelam convida o sucesso e dá-lhe o poder de realizar mudanças.

A casca da canela pode ser usada como incenso elevando as vibrações espirituais da casa e fortalecendo as propriedades de qualquer erva usada em conjunto com ela, para além de ajudar a desenvolver as habilidades psíquicas e espirituais. Combinada com sândalo ajuda a trazer clareza às nossas ideias.

O óleo de canela é um dos óleos aromáticos mais antigos e foi mencionado no Antigo Testamento, sendo usado em poções de amor, aplicadas em banhos, vestuário ou espaços.

A canela também pode ser usada como proteção, espalhando um pouco de pó pelos cantos da casa.

 

Webgrafia:

https://vedichealing.com/cinnamon-the-ancient-healing-spice/

http://www.beneficiosdacanela.com/a-canela-e-boa-para-a-saude/

http://www.beneficiosdacanela.com/propriedades-medicinais-da-canela/

http://www.plantasquecuram.com.br/ervas/canela-da-india.html#.VEfFQiLF9e8

http://tvl.pt/2013/12/06/tao-natural-20131206-a-medicina-ayurveda-e-a-canela-a-pimenta-e-o-gengibre/

http://www.hierbitas.com/nombrecomun/CANELA.htm

http://www.saladeayurveda.com/2010/01/farmacia-na-cozinha-parte-i.html

http://www.outramedicina.com/100/beneficios-da-canela

http://www.alimentacaosaudavel.org/canela.html

 

“The Complete Illustrated Encyclopedia of Magical Plants,” Susan Gregg

 

Advertisements

One Reply to “O aroma terapêutico da Canela”

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s